As empresas precisam apresentar o resultado de suas operações financeiras. Dessa forma, elas sabem se estão lucrando ou tendo prejuízo com suas ações.

A demonstração financeira chamada DRE (demonstração do resultado do exercício) é um resumo de dados que possibilita que os empreendedores a apresentarem os resultados financeiros mensais ou anuais a seus investidores, bancos e até mesmo para o governo.

A DRE inclui todas as contas do balanço patrimonial do negócio, sendo uma ferramenta de análise de resultado e tomada de decisão para fins fiscais e administrativos.

A Demonstração do Resultado do Exercício auxilia as organizações na administração e controle de receitas, custos e despesas recebidas durante o ano, sendo essencial para calcular o lucro ou prejuízo do negócio no período.

Existem muitas dúvidas quanto a estruturação da DRE. Pensando nisso, desenvolvemos um passo a passo de como estruturar a DRE no Excel.

1º Passo: Montar o cabeçalho é de extrema importância para a estruturação da planilha.

É neste momento que as informações são definidas e inseridas na planilha.

É aqui que precisamos inserir em cada coluna os títulos devidos. As informações básicas que precisam conter na planilha da DRE são:

– Data (na DRE é possível realizar o acompanhamento mensal);

– Receita operacional bruta (venda de produtos, venda de mercadoria e prestação de serviços);

– Deduções da receita bruta (devoluções de venda, abatimentos, impostos e contribuições incidentes sobre venda);

– Receita operacional líquida; Custos das vendas (custo dos produtos vendidos, custo das mercadorias, custo dos serviços prestados);

– Resultado operacional bruto;

– Despesas operacionais (despesas com vendas, despesas administrativas);

– Despesas financeiras líquidas (receita financeira, variações monetárias e cambiais ativas);

– Outras receitas e despesas (custo de venda de bens e direitos do ativo não circulante);

– Resultado operacional antes do IR e CSLL;

– Provisão para a IR e CSLL;

– Lucro líquido antes das participações;

– PRO LABORE;

– Resultado líquido do exercício.

Além dessas informações, é possível acrescentar as contas de acordo com as movimentações financeiras do negócio em questão.

Modelo de DRE 1

2º Passo: Formatar as Colunas e adicionar Cores

Esse passo é muito rápido e simples!

É preciso formatar cada uma das linhas e colunas do Excel com o formato necessário. Desse modo, não será preciso repetir o processo na hora de inserir os dados na DRE.

Basta formatar as linhas e colunas de “Valor” como “Moeda”, a coluna “A” com formato “Geral”, e a linha de “Data” com formato de “Data Abreviada”.

Além disso, o Excel oferece uma variedade de cores, você pode escolher as que achar melhor.

É necessário colorir as colunas de Data; Receita operacional bruta; Deduções da receita bruta; Receita operacional líquida; Custos das vendas; Resultado operacional bruto; Despesas operacionais; Despesas financeiras líquidas; Outras receitas e despesas; Resultado operacional antes do IR e CSLL; Provisão para a IR e CSLL,; Lucro líquido antes das participações; Resultado líquido do exercício. A coloração das linhas facilita a identificação das informações de destaque da DRE.

Modelo de DRE 2

3º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Receita Operacional Bruta

Nos primeiros passos estruturamos a planilha, a partir do terceiro passo começaremos a criar e inserir as fórmulas no  Excel.

Para encontrar o total de “Receita operacional bruta”, basta escolher a função SOMA e selecionar todas as linhas referentes a receita (vendas de produtos, vendas de mercadorias e prestação de serviços). Como mostra o modelo na imagem abaixo:

Modelo de DRE 3

4º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Deduções da Receita Bruta

Assim como no passo anterior, para encontrar o total de “Deduções da receita bruta”, basta escolher a função SOMA e selecionar todas as linhas referentes a receita (devoluções de vendas, abatimentos e impostos e contribuições incidentes sobre venda). Como mostra a imagem abaixo:

Modelo de DRE 4

5º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Receita Operacional Líquida

Para encontrar o total de “Receita Operacional Líquida”, basta escolher a função SOMA e selecionar o total de “Receita operacional bruta” somando ao total de “Deduções da receita bruta”:

Modelo de DRE 5

6º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Custos das Vendas

Para encontrar o total de “Custos das vendas”, é preciso escolher a função SOMA e selecionar todas as linhas referentes ao custo (custo dos produtos vendidos, custo das mercadorias e custo dos serviços prestados):

Modelo de DRE 6

7º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Resultado Operacional Bruto

Para encontrar o total do “Resultado Operacional Bruto”, basta escolher a função SOMA e selecionar o total de “Receita operacional líquida” somando ao total de “Custos das vendas”:

Modelo de DRE 7

8º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Despesas Operacionais

Para encontrar o total de “Despesas operacionais”, é preciso escolher a função SOMA e selecionar todas as linhas referentes as despesas (despesas com vendas e despesas administrativas):

Modelo de DRE 8

9º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Despesas Financeiras Líquidas

Para encontrar o total de “Despesas financeiras Líquidas”, basta escolher a função SOMA e selecionar todas as linhas referentes as despesas (receita financeira e variações monetárias e cambiais ativas):

Modelo de DRE 9

10º Passo: Criar e Inserir a Fórmula – Outras Receitas e Despesas

Como temos apenas uma conta referente a “Outras receitas e despesas”, para encontrar o total, basta inserir o sinal de igual e selecionar a célula referente a “custo de venda de bens e direitos do ativo não circulante”:

Modelo de DRE 10

11º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Resultado Operacional antes do IR e CSLL

Para encontrar o total do “Resultado Operacional do IR e CSLL”, é preciso escolher a função SOMA e selecionar o total de “Resultado operacional bruto” somando ao total de “despesas operacionais”“Despesas financeiras líquidas” e “Outras receitas e despesas”:

Modelo de DRE 11

12º Passo: Criar e Inserir Fórmula – Provisão para IR e CSLL

Para encontrar o total de “Provisão para IR e CSLL”, basta selecionar a célula “Receita operacional Bruta” e multiplicar pelo IR, somando a célula “Receita operacional Bruta” multiplicada pelo CSLL”:

Modelo de DRE 12

Para isso, é necessário inserir uma aba na planilha de DRE com a taxa referente aos impostos:

Modelo de DRE 13

13º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Lucro Líquido antes das Participações

Para encontrar o total do “Lucro Líquido antes das Participações”, basta escolher a função SOMA e selecionar o total de “Resultado operacional antes do IR e CSLL” somando ao total de “Provisão para IR e CSLL”:

Modelo de DRE 14

14º Passo: Criar e Inserir a Fórmula SOMA – Resultado Líquido do Exercício

Para encontrar o total do “Resultado líquido do exercício”, é preciso escolher a função SOMA e selecionar o total de “Lucro líquido antes das participações” somando ao total de “PRO LABORE”:

Modelo de DRE 15

Se você seguiu todos os passos corretamente, a sua planilha de DRE está pronta! Agora, você só precisa fazer os lançamentos. Veja o modelo abaixo:

Modelo de DRE 16

Gostou do conteúdo? Acha que ele pode ajudar alguém que você conhece? Repasse adiante e facilite a vida de diversos empreendedores que não sabem como construir seu modelo DRE! 🙂 

Planilha com Modelo de DRE para download gratuito

E se você está começando a estruturar a Gestão Econômico-Financeira, confira a planilha com o Modelo de DRE que elaboramos e você pode realizar o download gratuito. Basta clicar na imagem abaixo:

OBSERVAÇÃO: Na planilha, basta preencher as linhas que estão com a cor branca com os números de sua empresa. As linhas que estão na cor cinza são linhas de cálculo ou somatória que já darão os resultados calculados automaticamente.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!